Cientista quer utilizar tecnologia para aumentar lucros da indústria de reciclagem e reduzir estoque de plásticos no mundo

Os resíduos de plástico têm sido um dos maiores vilões para o meio ambiente. Sacos, garrafas, caixas, pratos, garfos, copos e palhinhas de plástico formam grandes concentrações de lixo em rios e oceanos.

Para tentar combater esse problema, Linda Wang, engenheira química na Universidade de Purdue, nos Estados Unidos, buscou formas de dar uma nova utilidade a todo esse mundo de plástico. Mas além da produção de produtos de plástico reciclado, ela quis endereçar outro problema ambiental: os combustíveis.

Junto com sua equipe, ela desenvolveu uma forma de transformar resíduos de poliolefinas, tipo de plástico comum do qual são feitas as garrafas PET, em gasolina e diesel. “Nossa estratégia é criar uma força motriz para a reciclagem, convertendo resíduos poliolefínicos em uma ampla gama de produtos valiosos, incluindo polímeros, nafta (uma mistura de hidrocarbonetos), ou combustíveis limpos”, contou Wang.

Purdue Research Foundation/Vicent Walter

Linda Wang (Foto: Purdue Research Foundation/Vicent Walter)

Reprodução: Youtube

Reprodução: Youtube

Wang se inspirou para criar essa tecnologia depois de ler sobre a poluição dos resíduos plásticos dos oceanos, águas subterrâneas e meio ambiente. De todos os plásticos produzidos nos últimos 65 anos (8,3 bilhões de toneladas), cerca de 12% foram incinerados e apenas 9% foram reciclados. Os restantes 79% foram para aterros ou para os oceanos.

A feira Ecomondo Brasil trabalha com a proposta apresentar soluções ambientais para o mercado industrial e contribuir para a atualização de conhecimento e o aperfeiçoamento dos profissionais da área. As principais novidades e tendências deste ano incluem Gestão de Resíduos (Urbano, Industrial e Automotivo) e Energia (Biogás e Biomassa), em um ambiente B2B, atraindo profissionais da indústria, prestadores de serviços, fornecedores de equipamentos, centros de pesquisa e gestores públicos e privados.

Mais informações sobre a feira e credenciamento, acesse: www.ecomondobrasil.com.br