Para atender a demanda que surgiu com os últimos acontecimentos na agenda ambiental do País, Ecomondo Brasil vai ampliar abordagem sobre temas como resíduos de saúde e emergências ambientais

 

A aposta em novos setores atende uma demanda do mercado nacional. Para Luiz Fernando, os resíduos de saúde são um deles. “É necessário um descarte consciente desses materiais, em função de contaminação e outros problemas que podem causar na sociedade. Por isso, vamos abordar aspectos relativo a gestão de resíduos de saúde com apoio da Associação Nacional das Empresas de Tratamento de Resíduos de Saúde (Assestress)”, informa o executivo.

Todo esse movimento corresponde ao sucesso que foi a Ecomondo 2019. O feedback em geral foi bastante positivo, o evento acabou até superando as expectativas dos organizadores e de vários expositores em relação a qualidade de visitação, índices de negócios, network durante a feira. “O evento atingiu seu objetivo nesta primeira edição e estamos muito otimistas, pois houve uma renovação automática, por meio da qual já pudemos garantir a presença de 70% dos expositores para 2020. “O crescimento qualitativo vai acontecer, teremos uma feira melhor, maior e com mais novidades”, salienta Oliveira.

Os últimos acontecimentos na pasta ambiental do País mostram que o assunto é de suma importância para o desenvolvimento sustentável como um todo. Luiz Fernando atesta que nunca, em tempos atrás, houve ocorrências tão relevantes voltados ao meio ambiente, os quais mostram a necessidade de um evento como a Ecomondo Brasil, onde se possa apresentar soluções em termos de precaução para evitar que aconteça algumas tragédias como essas que vem acontecendo ultimamente, a exemplo de Brumadinho, em Minas Gerais, e como é o caso das queimadas na floresta amazônica e a ocorrência de manchas de óleo nas praias do Nordeste.

“Na verdade, a feira cumpre uma função de ser muito mais um elemento importante na questão da prevenção do que na remediação. Nós trazemos soluções para a prevenção e, claro, também temos muitas soluções para a remediação. Nossa proposta é apresentar o quanto é importante prevenir e minimizar a ocorrência dos problemas ambientais e valorizar as oportunidades para os empresários, gestores públicos e privados que atuam em prol da sustentabilidade”, conclui.