Entidade irá levar conteúdos sobre o setor de RCD para o Palco de Inovações da feira

Abrecon - reciclagem de RCDAtuar para atender as necessidades das empresas recicladoras de entulho, para mobilizar e sensibilizar governos e sociedade sobre a problemática do descarte irregular dos resíduos da construção e oferecer soluções sustentáveis para a construção civil em um dos momentos mais importantes da história para o setor produtivo é o papel da Abrecon – Associação Brasileira para Reciclagem de Resíduos da Construção Civil e Demolição, que nasceu em 2011 com a ideia de introduzir a questão no debate público e criar unidade das empresas recicladoras de entulho no país.

Parceira da Ecomondo Brasil – Feira Internacional de Soluções Sustentáveis para o Meio Ambiente, a entidade participa do evento em 2018 para mostrar que há um novo cenário.“Muitas construtoras já se habituaram separar o entulho e a enviar o material a destinatários licenciados e legalizados. É uma cultura que tende a ser disseminada, dado a condição financeira do mercado e ao intenso trabalho da fiscalização ambiental em grandes centros e regiões adensadas, sem contar a escassez de espaço e terreno para descarte incorreto de entulho”, informa Levi Torres, coordenador da Abrecon.

Para o especialista, um fato que também agrega a isso é que já existe um entendimento sobre a relação de descartes incorretos de entulho com doenças já conhecidas, corroborando com um custo muito alto para a municipalidade.Ferramentas eletrônicas de denúncias anônimas, sites, legislação, CTR/ MTR ou NTR Eletrônico ou em papel, enfim, na visão de Levi Torres, tudo isso têm ajudado a desenvolver o setor de RCD no País.

“Para quem está no segmento há mais de 10 anos, vê isso com um certo grau de desconfiança, porém, é inegável que muita coisa mudou nesses últimos tempos. E por nós, vai continuar.A mudança é sempre a favor e sempre será bem-vinda. Provoca desconforto em alguns, mas até o momento de eles próprios entenderem que é para evoluírem.Vendo isso, concluo que 2018 será melhor que 2017 e que 2017 foi melhor que 2016”, observaLevi.

Com a proposta de inspirar muitos empreendedores em sua missão, a entender o negócio, a pensar e, de certa forma, a instigá-los para o problema do entulho, Levi informa que a Abrecon irá levar conteúdos sobre o setor de RCD para o Palco de Inovações da Ecomondo Brasil. É uma ótima oportunidade para saber mais sobre o setor e ampliar a atuação em prol deste mercado imprescindível para a área ambiental.A participação é gratuita e aberta a todos os visitantes da feira.